Índice de desemprego recua, porém ainda afeta 12 milhões de pessoas

http://www.administradores.org.br/wp/wp-content/uploads/2018/10/savings-2789112_960_720.jpgÍndice de desemprego recua, porém ainda afeta 12 milhões de pessoas

O governo de Michel Temer, mesmo no final de seu mandato, continua a dar resquícios de um dos piores mandatos da história, representado pelo descaso. De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), o índice de desemprego de 12,7%, equivalente a 12,707 milhões de pessoas, decaiu para 12,1%, diminuindo 0,6 no percentual no trimestre até agosto.

Mas diferente do que possa parecer, a redução não ocorreu devido ao aumento de ocupações, mas sim ao número recorde de pessoas que deixaram de procurar trabalho. Segundo dados da pesquisa, a partir do corte etário, o maior índice de desemprego ocorreu entre os trabalhadores com idade de 18 a 24 anos com taxa de redução 26,6% no segundo trimestre deste ano.

“A reforma trabalhista, imposta por Temer, foi o gatilho para que a onda de desemprego começasse. O governo deixou de dar importância para a população, e isto é um absurdo. A sociedade pede socorro. Vamos continuar lutando para que possamos reverter essa situação, não podemos deixar como está”, afirma Edson Machado, Presidente do Sinaerj.

Author Description

Sinaerj

No comments yet.

Join the Conversation